25.8 C
Brasil
sábado, fevereiro 24, 2024

Novas tecnologias de laser chegam ao Brasil

- Advertisement -spot_imgspot_img

Os avanços da ciência correm na velocidade da luz para ajudar a tratar questões dermatológicas de maneira mais segura e eficaz, garantindo a segurança do paciente que precisar tratar questões que vão além da estética. Quem explica as duas novidades é a médica dermatologista Dra. Adriana Vilarinho, dermatologista, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e da Academia Americana de Dermatologia (AAD).

O laser Derma V foi desenvolvido para tratar pigmentos, lesões vasculares e rejuvenescimento da pele assegurando procedimentos rápidos, seguros e confortáveis com altas tecnologias exclusivas e avançadas.

“A grande diferença da tecnologia do laser está nos comprimentos de ondas que ajudam a proteger a pele enquanto tratam manchas, hematomas e veias do rosto e do corpo” explica a dermatologista Dra. Adriana Vilarinho que alerta ainda para os cuidados: “A pele pode ficar levemente inchada e avermelhada logo após a sessão, por isso ainda é muito necessário que haja os cuidados com o uso de protetor solar, mas as atividades rotineiras podem ser retomadas logo após a aplicação”.

Foi desenvolvido especialmente para tratar manchas, lesões vasculares e rejuvenescimento em sessões praticamente indolores com durações curtas, de cerca de 5 a 20 minutos, mas a tecnologia continua agindo na pele após a sessão e atua na regeneração e rejuvenescimento progredindo por várias semanas.

A outra novidade é uma tecnologia que otimiza a absorção de produtos é um laser que conta, com exclusividade, um aplicador específico para tratamento capilar, para dar mais saúde, volume e qualidade para o cabelo. O laser Ultra MD possui aplicador robotizado em ponteira que pode ser aplicado tanto em áreas menores como face, pescoço, colo, mãos, axilas e joelhos, quanto maiores como abdômen, braços, costas, bumbum e pernas.

“Por possuir uma ponteira bem específica de aplicação, é possível restaurar a superfície da pele ou do couro cabeludo já que o aplicador é robotizado e permite mais homogeneidade no tratamento”, finaliza a médica.

Ultimas Notícias

Leia também

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui